‘As Notícias’ lança Gabinete para o ‘Brexit’

O jornal As Notícias lança um Gabinete para o Brexit que dará apoio à integração da comunidade portuguesa às novas normas e legislação emergentes do Brexit, a saída do Reino Unido da União Europeia, fixada para 29 de Março de 2019.

Para isso a Jornal A N Ltd., empresa que controla a edição em papel e digital da mais antiga publicação em português na Grã-Bretanha, espera apenas a concessão das autoridades reguladoras do estatuto do CIC (community interest company), para lançar o projecto já aprovado por várias instituições locais.

Apesar de estar acordado, entre Londres e Bruxelas, a emissão de um estatuto de residentes permanentes (residence status) a todos os imigrantes da UE há mais de 5 anos no Reino Unido, ou entrados antes de 29 de Março de 2017 interessados em perfazer cinco anos de estadia permanente, o processo passa pelo preenchimento de um formulário, a apresentação de variada documentação e outros trâmites necessários, que o Gabinete para o Brexit poderá apoiar, aconselhar e desenvolver.

Segundo os responsáveis pelo projecto, este gabinete tem também a função de combater os abusos registados anteriormente, nomeadamente na emissão de cartões de residência, criar um vínculo com as autoridades para informar os interessados e combater qualquer notícia falsa ou especulação sobre o assunto. Depois de oficializada o projecto fica à disposição de outros agentes espalhados pelo Reino Unido.

Comentários

There are 2 comments for this article
  1. NATALINA Março 14, 2018 2:30 pm

    Good afternoon
    I’m living and working in UK since 11/2015. What shall I do to have my resident status.
    Thank you
    Carla Silva

    • João Noronha Março 14, 2018 5:39 pm

      Primeiro temos de esperar pela nova legislação sobre Imigração a publicar brevemente e que coordenará os termos para os pedidos de ‘resident status’. Depois teremos de esperar pela disponibilização do formulário do pedido, preenchê-lo, juntar a documentação que pedirem, esperar pela aprovação e emissão da residência permanente. O pagamento do documento será igual à emissão de um passaporte (hoje £72,50 para adulto e £46 para criança). à medida que surjam mais detalhes daremos notícias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ir para TOPO